Edital | Avança, Preta!

No último Sábado, dia 23/03, fizemos a contemplação mensal de 4 mulheres!
Estamos no momento mais caótico da pandemia de COVID-19, gerado pelo descaso de desgovernantes que minimizam as consequências desse vírus avassalador, e não destinam políticas públicas para um combate efetivo da crise sanitária, onde a população negra é a mais atingida com maior número de infectados e mortos, e por todas essas razões optamos por manter todas as atividades do Agbara de forma remota.

Empoderamento como prática social feminista negra

Por Tayná V.L Mesquita  A categoria empoderamento já pode ser considerada êmica, em especial entre a juventude negra. A palavra é derivada da expressão empowerment (que significa dar poder) e que foi empregada pela primeira vez pelo psicólogo norte-americano Julian Rapport, defendendo que era necessário oferecer ferramentas aos grupos oprimidos com vistas a sua autonomia…

Edital | Avança, Preta!

No último Sábado, dia 23/03, fizemos a contemplação mensal de 4 mulheres!
Estamos no momento mais caótico da pandemia de COVID-19, gerado pelo descaso de desgovernantes que minimizam as consequências desse vírus avassalador, e não destinam políticas públicas para um combate efetivo da crise sanitária, onde a população negra é a mais atingida com maior número de infectados e mortos, e por todas essas razões optamos por manter todas as atividades do Agbara de forma remota.

Edital | Atunlo Ife – Catadoras de Recicláveis

No último Sábado, dia 23/03, fizemos a contemplação mensal de 4 mulheres!
Estamos no momento mais caótico da pandemia de COVID-19, gerado pelo descaso de desgovernantes que minimizam as consequências desse vírus avassalador, e não destinam políticas públicas para um combate efetivo da crise sanitária, onde a população negra é a mais atingida com maior número de infectados e mortos, e por todas essas razões optamos por manter todas as atividades do Agbara de forma remota.

Julho | 2021

No último Sábado, dia 23/03, fizemos a contemplação mensal de 4 mulheres!
Estamos no momento mais caótico da pandemia de COVID-19, gerado pelo descaso de desgovernantes que minimizam as consequências desse vírus avassalador, e não destinam políticas públicas para um combate efetivo da crise sanitária, onde a população negra é a mais atingida com maior número de infectados e mortos, e por todas essas razões optamos por manter todas as atividades do Agbara de forma remota.